sexta-feira, 8 de junho de 2007

Motivação

8 comentários:

Mayra disse...

Olá Professor...
Bem... vc não me conhece...
primeiramente então meu nome é Mayra! Mto prazer! =D

Bom... a história é grande... Então deixa eu explicar o porquê exatamente de eu estar aqui...

Eu sou estudande do 1º Ano do curso de Letras... E aconteceu o seguinte...
Minha professora de Língua Portuguesa dividiu a sala em grupos e para cada grupo ela estipulou um assunto. O meu grupo ficou com "Gramática Contrastiva (ou transferencial)"... O Problema é que nós procuramos em todos os livros disponibilizados na biblioteca e na internet, mas nós não encontramos o suficiente para ser apresentado. O que nós conseguimos encontrar não preenche uma página...
Então eu resolvi procurar e-mails de Professores de português na internet pra ver se eu conseguia algum retorno... E foi aí que eu encontrei o seu blog.. Que é muito interessante por sinal! Parabéns!

Mas então... Eu na minha humilde condição de aluna, rs gostaria mto de saber se vc não poderia me informar alguns livros que falem sobre Gramática Contrastiva...
Desculpa estar te encomodando... Mas é que eu não tenho mais fontes...

E... eu tomei a liberdade de te adicionar no msn hehehe...

Qualquer coisa meu e-mail é

may_ra1234@hotmail.com ou

mayramotta@bol.com.br

se puder entre em contato cmgo professor...

Muito Obrigada mesmo pela paciência e pela compreensão!

Um grande Abraço!

Mayra Motta

Mayra disse...

Olá Professor...
Bem... vc não me conhece...
primeiramente então meu nome é Mayra! Mto prazer! =D

Bom... a história é grande... Então deixa eu explicar o porquê exatamente de eu estar aqui...

Eu sou estudande do 1º Ano do curso de Letras... E aconteceu o seguinte...
Minha professora de Língua Portuguesa dividiu a sala em grupos e para cada grupo ela estipulou um assunto. O meu grupo ficou com "Gramática Contrastiva (ou transferencial)"... O Problema é que nós procuramos em todos os livros disponibilizados na biblioteca e na internet, mas nós não encontramos o suficiente para ser apresentado. O que nós conseguimos encontrar não preenche uma página...
Então eu resolvi procurar e-mails de Professores de português na internet pra ver se eu conseguia algum retorno... E foi aí que eu encontrei o seu blog.. Que é muito interessante por sinal! Parabéns!

Mas então... Eu na minha humilde condição de aluna, rs gostaria mto de saber se vc não poderia me informar alguns livros que falem sobre Gramática Contrastiva...
Desculpa estar te encomodando... Mas é que eu não tenho mais fontes...

E... eu tomei a liberdade de te adicionar no msn hehehe...

Qualquer coisa meu e-mail é

may_ra1234@hotmail.com ou

mayramotta@bol.com.br

se puder entre em contato cmgo professor...

Muito Obrigada mesmo pela paciência e pela compreensão!

Um grande Abraço!

Mayra Motta

Victor Silva disse...

Dilson,

Tudo tranquilo com voce??? E ai, como foi de viagem??? aproveitou??? gostou dos serviços prestados pela TAM Linhas Aereas S/A (Olha a "popraganda", hehe).

Então, você havia me perguntado se eu ainda estava escrevendo, bom... eu tenho um blog ja faz algum tempo, só que de um mês pra cá eu resolvi reativa-lo e ainda estou decidindo qual vai ser o tema, hehehe... bom mas é isso, até breve.

Victor
cmte.silva@gmail.com

Nilza disse...

Prof Dílson...
Sou educadora infantil e tenho uma duvida qto a utilização de verbos no meu local de trabalho é comum eu ouvir falar "eu tinha trago" ou "ela já havia chego" eu acho essa conjugação estranha mas todos me dizem que é correta , pois costumo falar: "eu havia /tinha trazido", "ela já tinha /havia chegado"....qual é forma correta????????

Dílson Catarino disse...

Nilza, "Eu tinha trago" e "Eu tinha chego" não existem. Quem diz serem adequadas essas frases nada sabe de Língua Portuguesa. O certo é "Eu tinha trazido" e "Eu tinha chegado"

Anônimo disse...

Um dia desses, estava eu e minha namorada, minha sogra e prima dela caminhando na praia.. E fui alvejado de zoações de todas elas, pq havia dito, que o certo era; Tinha trazido.. Elas riram, e completaram com a burrice de que o certo era: Eu tinha trago! Bem! foi só um desabafo professor..Hj foi um dia duro demais.. Feliz ano novo!

Dann Rapper disse...

Certo dia fui caçoado por 3 mulheres quando falei que o certo era "tinha trazido" elas completaram dizendo que o certo era " tinha trago" Acho que realmente faltei aulas demais doutor ;)

LILIAN BRZEZINSKY disse...

Sou professora de História e leciono no ensino médio,na rede pública do RJ.
Me solidarizo com as pessoas que relataram suas tentativas de convencer outras de que estão certos, a respeito dessa nova corrupção do vernáculo rsrs.
Chego a ficar com raiva, porque até estudantes universitários (estagiários em escolas, inclusive), com os quais convivo, teimam em que é "assim que está certo".Que profissional será levado à sério reproduzindo uma imbecilidade destas? Ninguém parece se importar, infelizmente.
Nunca tive dúvida da conjugação correta dos verbos, porque tive um professora excepcional, ainda no meu "ginasial" rs. E meu status de professora pós-graduada ajuda, pelo menos, a deixá-los em dúvida quanto ao assunto rsrsrs.
Porém, acho que a mídia devia enfatizar mais a importância da manutenção das regras gramaticais e da correção ortográfica, como símbolo da democratização do conhecimento que significam, na verdade.
Nesse sentido, parabenizo o blog e as pessoas que se deram ao trabalho de perguntar, buscando esclarecimento.
Abraços!